Elisabete Rodrigues

Eu amo minha vida

Textos


A cada dia a vida nos dá a oportunidade de ler, escrever, e melhorar a nossa história de maneira sábia, portanto, seja "sábio" e tente fazer a melhor história de sua vida.

Lembrete: Conhecimento auxilia por fora, e amor socorre por dentro. Conhecimento vem, mas a sabedoria tarda.
Não adianta ter todo o conhecimento do mundo se não tiver sabedoria para usá-lo.
De nada adianta todo conhecimento se não souber o valor de poder ensinar teu próximo.
Crescer é compartilhar, amar é dar amor, ter paz é dar paz.

Busque sabedoria, e, se der tempo, corra atrás do conhecimento.
Lembre-se: os dois são essenciais. Mas, entre um e outro, fique sempre com o primeiro.

A sabedoria sem conhecimento sobrevive; o conhecimento sem sabedoria não vale de nada.
A vida é um jogo muito mais labirintoso do que qualquer tabuada, regra de três ou tabela periódica que você já tenha decorado. E por mais conhecimento que acredite ter, quanto mais você achar que é sábio, menos você será.

SABER É DIFERENTE DE CONHECER (≠)
Sabedoria é muito mais do que ler diversos livros ao ano e/ou ter uma escolaridade invejável repleta de cursos entre pós-graduação, doutorado, mestrado, idiomas ou até mesmo intercâmbios, etc. Isso nós intitulamos “apenas” de conhecimento.
Não que seja pouco, mas, nem sempre tornar-se um ‘CDF’ fará de você uma pessoa admirável, sábia, e com plenas condições de fazer a diferença de forma significativa para o mundo em que vive, propondo, talvez, um legado que mude para melhor a vida de alguém.

Estudar vai lhe trazer conhecimento, e isso é sim, inegavelmente, meio caminho andado.
Todavia, sinto informar com o coração apertado que, colecionar formaturas, é somente a metade da trilha para ser um alguém de valia para o globo.

É muito comum espantar-se com alguém que nunca pisou na escola e que é extremamente sábio.
Na verdade, esse assombro parece trazer até uma sutil carga de preconceito, mas não vejo como tal. Enxergo como uma reflexão plausível dentro desse arcaico pensamento que a sociedade propaga atualmente.

Quando nos dizem que devemos respeitar os mais velhos, não é uma afirmativa fundamentada somente por causa da idade, e sim, pq são maduros o suficiente para nos ensinar muito mais sobre a vida do que possamos imaginar.

São pessoas dotadas de uma sabedoria ímpar que não é conquistada em sala de aula fazendo provas ou até mesmo lição de casa. O que carregam é aquela famosa experiência fortalecida ano após ano devido à vivência, ao saber perder, ao valorizar ganhos, ao respeito ao próximo e também pela casca grossa criada por tantas vitórias e tropeços.

‘DE QUE ADIANTA MESTRADO E DOUTORADO SE NÃO É CAPAZ DE DAR BOM DIA AO PORTEIRO?’

Conduzir-se de forma cortês, entender que a vida é uma enorme dinâmica de grupo, contar até 10 e não agir por impulso, resistir às tentações, respeitar os animais e meio ambiente, utilizar diariamente palavrinhas/frases mágicas (obrigado, desculpe, por favor, com licença, eu te amo), saber dizer ‘não’, agarrar oportunidades, e ter facilidade em tomar decisões para colocar-se à frente das situações embaraçosas, são, enfim, atitudes que caracterizam o comportamento assertivo de um sábio.

Isso, claro, se ele souber levar tudo na simplicidade, já que o controle emocional é sim premissa básica para se chegar aonde quer que seja e, mais do que isso, manter-se por lá. Bjs
Elisabete Rodrigues
Enviado por Elisabete Rodrigues em 27/07/2017
Alterado em 27/07/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras